kamelo
Papo de kamelo
papo de kamelo #004 | desenvolvendo startups com pouco investimento
0:00
-23:35

papo de kamelo #004 | desenvolvendo startups com pouco investimento

última parte dessa 1ª temporada 🤩

👋  olá, Luiz aqui! bem-vinda(o) a mais uma edição da kamelo, minha newsletter gratuita e independente para tratar assuntos relevantes para quem está lançando ou desenvolvendo startups! toda segunda e quinta publico uma nova edição, então para não perder as próximas, te convido a assiná-la aqui 👇

alguns avisos:
acesse o episódio 1, o episódio 2 e o episódio 3
te convido para nosso canal no discord
e siga nosso podcast "papo de kamelo

quantos litros de água lavam um carro?

quando era criança, lembro de ver minha mãe lavando seu fiat 147 com uma mangueira aberta e muito sabão… imagina o quanto de água ia embora ali. hoje tem equipamentos que permitem lavar um carro com 300ml de água, ou seja, aprendemos a gerar o mesmo resultado com uma quantidade [muito] menor de recursos, assim são as startup kamelo quando recebem investimento financeiro.


pra que você precisa de investimento?

toda startup tem (ou terá) demanda de captação financeira, é parte do processo para lançar e manter um produto crescendo no mercado. sabendo disso, me pergunto: qual o papel do investimento ao longo da jornada das startups?

entendo que uma captação financeira precisa ser projetada como um suporte adicional (ou necessário) para que a startup dê um passo no seu desenvolvimento.

portanto, posso dizer que o papel do investimento é "desequilibrar" a estrutura do negócio para que ele amadureça. mas, qual o ponto de equilíbrio?

o ponto de equilíbrio é a combinação entre:

  1. a demanda de captação financeira;

  2. o potencial de geração de receita real;

  3. a estrutura de custo necessária.

quando olhamos para as grandes startups e suas demissões em massa, percebemos que (entre outros fatores) esses ambientes perderam o ponto de equilíbrio, usando captações sucessivas como argumento para inflar a estrutura de custo, sem um plano claro sobre quando a geração de receita será suficiente para manter a "máquina funcionando".

esse é o efeito da crença que toda startup precisa ter um cashflow (fluxo de caixa) apertado, "queimando" rápido o valor captado para gerar resultados rápidos… isso me lembra um problema clássico de matemática da 6ª série:

"se um pedreiro constrói um muro em 30 dias, 30 pedreiros constroem o mesmo muro em 1 dia

essa lógica pode fazer sentido para pessoas com 12 anos, mas na fica real, sabemos que não adianta inflar nossa estrutura de custo, os resultados [financeiros] não serão acelerados na mesma proporção… ou seja, criamos uma dependência de mais e maiores captações.

a kamelo tem crescido rápido, cada semana mais pessoas se conectam aos nossos conteúdos, isso tem acontecido pela quantidade de assinantes que compartilham as edições com seus contatos, nos grupos que fazem parte e até nas redes sociais… quer ajudar no crescimento da kamelo? te convido a compartilhar também!

Share


por outro lado, as startups kamelo entendem que as demandas de captação podem ser menores e mais espaçadas, por isso pensam o uso do investimento para promover o reequilíbrio dos três pilares que falei anteriormente… se tem mais grana em caixa é preciso projetar um crescimento [financeiro] real, mantendo a estrutura de custo sustentável.

para um kamelo, quando entra um novo investimento, é preciso:

  1. ter um controle do cashflow, "esticando-o” para ter mais tempo de execução sustentada pelo aporte, o que implica um gasto consciente sobre o que é necessário;

  2. entender qual a prioridade de geração de resultado será perseguida nos meses seguintes, desde lançar um MVP no mercado até ter um crescimento no volume de receita;

  3. ter um plano de crescimento que faça sentido e esteja alinhado com o momento do negócio e a abertura de mercado para o produto, considerando o atual cenário de concorrência;

  4. projetar o retorno sobre o valor investido, um negócio é saudável quando consegue devolver [com ganhos] cada real investido, por mais que esse retorno leve tempo, tenha isso como objetivo.


quer apoiar a kamelo?

tudo da kamelo é feito de forma independente, criado, escrito e editado por mim, Luiz. se você quer apoiar esse projeto que já tem 958 pessoas inscritas, me manda um e-mail para que possamos desenhar algo que faça sentido para sua empresa e, principalmente, para quem consome o conteúdo 🤗

quero apoiar


obrigado por ter lido!

antes de fechar essa página, deixa uma avaliação sobre essa edição 🤗

quero avaliar

ah! se você tem gostado da kamelo e quer ver a news crescer, agora você pode me pagar um café para que possa investir mais nos conteúdos, basta clicar no cafezinho

1 Comentário
kamelo
Papo de kamelo
uma conversa aberta, direta e sincera sobre a vida real de quem está criando ou desenvolvendo startups com consciência.
Ouça em
App Substack
RSS Feed
Link de configuração do e-mail no celular
Aparece no episódio
Luiz Gomes